Pesquisadoras da USP de Bauru se destacam em Universidade de Harvard

Duas pesquisadoras do campus USP de Bauru tiveram seus trabalhos científicos selecionados e apresentados na World Conference on Movement and Cognition, na Faculdade de Medicina da Universidade de Harvard. Os estudos tiveram orientação da professora Maria de Lourdes Merighi Tabaquim, do Curso de Fonoaudiologia da FOB-USP. Além do Programa de Pós-Graduação do HRAC-USP. Abordaram temas ligados à fissura labiopalatina.

As pós-graduandas Patrícia Baltazar Bodoni e Évelyn Raquel Benati expuseram, individualmente, resultados de suas pesquisas do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação do HRAC-USP. A pesquisadora Benati apresentou, em forma de pôster, o estudo intitulado (em inglês) Perceptual-motor skills and prior skills for reading and writing learning of children with cleft lip and palate. É decorrente de sua dissertação de mestrado, já finalizada, e que possibilitou interesses de profissionais sobre o universo pesquisado.

O trabalho da pesquisadora Bodoni foi realizado com uma equipe formada por Mayara dos Santos Baldin, Djeimy Renata Jeronimo e Matheus Yoshimi Shibukawa. Tratou do tema (em inglês) Perceptual and visomotor cognitive function and its relationship with visual episode memory in children and adolescents with cleft lip and palate.

Pesquisadoras - ussp - destaque - harvard

Pesquisadoras da USP em destaque

O trabalho de Bodoni é fruto de achados preliminares da sua tese de doutorado em curso. Originalmente inscrito para apresentação em painel. Foi selecionado pelos organizadores para integrar a mesa de apresentação oral. Ou seja, participou de debate com pesquisadores de outros países participantes.

A oportunidade do debate possibilitou a confluência de ideias com seus pares sobre o conhecimento da cognição de crianças com fissura labiopalatina. Essa é a informação da orientadora do projeto Maria de Lourdes Merighi Tabaquim. Ela teve coorientação do médico geneticista Antonio Richieri Costa, do HRAC-USP.

“Este é um evento mundial de grande abrangência e impacto na área. Com consistente política seletiva de trabalhos aceitos, em que foram aprovados dois dos nossos estudos do HRAC-USP. Além disso, o fato do pôster submetido ter sido convidado para a exposição em ambiente oral foi indicativo de valorização do tema e dos achados apresentados”, concluiu Tabaquim.

A World Conference on Movement and Cognition foi realizada no período de 27 a 29 de julho. Aconteceu em Boston, Massachusetts, EUA.